HomeCulturaArtistas do Acre

Artistas do Acre

COM A BÊNÇÃO DE ELBA E NEY, DUO FESTIM LANÇARÁ PRIMEIRO SINGLE, “RESGATE”

Um encontro casual, um amigo em comum e dois sonhos que se uniram e viraram música. O duo Festim, formado pelos cantores e compositores André Moreno e Dito Bruzugú, apresenta ao mundo o seu primeiro single: “Resgate”, que chega em todas as plataformas de música no dia 29 de maio, via SONORA DIGITAL.

“Resgate”, faixa que abre os caminhos do projeto, nasceu de um encontro do acaso. André é de Teresópolis, região serrana do Rio de Janeiro. Dito é de Rio Branco, no Acre. Eles se conheceram por pessoas em comum e a amizade foi imediata. A conexão musical também. Logo no primeiro encontro ao piano, surgiu a primeira composição em parceria, que fala sobre os anseios de um momento conturbado.

“Quando eu conheci o Dito, foi uma conexão imediata. Eu pedi o telefone dele para um amigo e descobri que ele também tinha pedido meu telefone”, revela André, que completa: “Essa música é muito simbólica. É a primeira canção que fizemos juntos, nossa primeira experiência. Foi quando tivemos a certeza de que iríamos embarcar nessa aventura”.

Produzindo um som repleto de brasilidades, o Festim chega ao mercado fonográfico com a promessa de encantar o público com a união da sonoridade do Norte e do Sudeste do país. “Resgate” é uma canção romântica, sensível e que sintetiza esse emaranhado de influências e a conexão dos dois artistas.

“No momento que criamos essa música, eu estava vivendo questões pessoais difíceis. Tinha saído de uma cidade pequena para morar em uma grande metrópole sozinho, sem conhecer ninguém e também enfrentava questões no meu relacionamento. ‘Resgate’ fala dessa angústia, do receio do desconhecido, de sentir o amargo das coisas e, às vezes, não ver as horas passarem”, revela Dito.

A canção encantou o músico, cantor e compositor Luã Yvys, que adotou o projeto Festim, e que assina a produção musical não apenas desta faixa, mas de todas que virão nos próximos meses.

“Essa música é uma síntese de coisas que temos em comum e também de divergências estéticas em nossos estilos de compor”, completa André.

As influências musicais do Festim são variadas e incluem nomes da música nordestina, como Elba, Zé Ramalho, Alceu, Geraldo Azevedo e Chico César; artistas consagrados da MPB, como Chico Buarque; destaques da cena mineira como Milton Nascimento e Lô Borges; o tropicalismo de Gil, Caetano, Bethânia e companhia; além do brit pop, desde Beatles a Oasis.

SOBRE FESTIM: Formado em 2019, o duo Festim reúne André Moreno, violonista e compositor desde a adolescência; e Dito Bruzugu, cantor, músico, compositor, produtor cultural e jornalista. A capital carioca uniu essas duas identidades múltiplas que trazem letras sobre amores, conquistas, saudade, distância e sentimentos. O duo lançará em 2024 o seu primeiro EP autoral de sete faixas, com produção musical de Luã Yvys, e com as luxuosas participações de Ney Matogrosso e Elba Ramalho. O Festim já se apresentou em casas cariocas como Casa Rio, Pub Panqss e a Audio Rebel, no Teatro Maria Dudé, em São Paulo, entre outros.

FICHA TÉCNICA:

Composição, voz e violão: Festim (Dito Bruzugu e André Moreno)

Produção musical: Luã Yvys

Bateria e Percussão: Gabriel Barreto

Baixo: PH Rocha

Guitarra: Marquinhos Vasconcelos

Teclado: Eduardo Bibiano

Produção: Hildo de Assis – Hassis Produções

Estilista: Amanda Mezkta

Fotos e visagismo: Fernando Ocazione

Distribuição: SONORA DIGITAL

Assessoria de imprensa: Mario Camelo

https://www.instagram.com/p/C30rX4quvS-/?igsh=MXZmdWNyMzN5MjNmNQ==

Veja a publicação original aqui.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

vale a leitura