HomePolíticaMEDTRAUMA - Edvaldo Magalhães cobra relatório prometido por chefe da Casa...

MEDTRAUMA – Edvaldo Magalhães cobra relatório prometido por chefe da Casa Civil do governo Gladson

Assessoria

O deputado estadual Edvaldo Magalhães (PCdoB) apresentou um requerimento durante a sessão desta terça-feira (7) pedindo o relatório da sindicância, anunciada pelo chefe da Casa Civil do Governo do Acre, Jonathan Donadoni, em audiência pública este ano, que investiga pagamentos feitos à Medtrauma.

Além disso, ele também afirmou que vai encaminhar requerimento à Prefeitura de Cuiabá, que fez uma sindicância que apontou superfaturamento em alguns itens de até 3.000%.

“O prefeito de Cuiabá fez uma intervenção e mandou fazer uma sindicância depois da matéria do Fantástico. Sabe o que diz o relatório? De que tem itens que o faturamento está acima de 3000%. Estamos diante aqui de algo inusitado. A mãe desse contrato de Cuiabá é um registro de preço feito no Acre, a origem. Aí o filho está todo zambeta, mas a origem do contrato está perfeita, está tudo certo”, ironizou ao pedir uma investigação célere à Sesacre.

Edvaldo Magalhães afirmou que ao ter o relatório feito pela Casa Civil em mãos, medidas serão adotadas: “se alguma coisa for encontrada, nós vamos tomar providências. Já se passaram meses dessa potoca anunciada aqui e até agora não apareceu [relatório]”.

O parlamentar classificou como “absurda” a falta de compromisso do governo do Acre em apurar a denúncia apontada pela Controladoria Geral da União (CGU). Ele citou que Roraima cancelou o contrato com a Medtrauma, a exemplo de Cuiabá, no Mato Grosso. Enquanto isso, o estado do Acre permanece pagando à empresa.

“É um absurdo. Um grande absurdo. Um superfaturamento de 3000% e nos continuar pagando. Nada justifica. Roraima cancelou o contrato, Cuiabá fez uma sindicância, cancelou o contrato e nós continuamos pagando”, pontuou.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

vale a leitura